Pular para o conteúdo principal

Símbolos

Cada símbolo é algo ou alguém que representa certo modo de agir, esperança, fé

Embora eu goste de escrever, sempre acreditei que as imagens trazem mais rapidamente as mensagens que pretendemos passar, para os outros ou para nós mesmos.

 

Leo

Assim, no mesmo dia em que tomei a decisão de construir minha casa, comprei uma escultura de leão em madeira, simbolizando a determinação e a força que eu precisaria para conseguir realizar meu intento. Prometi ao ‘Leo’, assim o chamei, que ele seria colocado na porta de entrada daquela casa, quando estivesse pronta. 

Durante a construção, sempre me lembrava dele, e a sua lembrança me inspirava, ajudava a vencer os obstáculos, conforme foram surgindo. 

A obra foi bem idealizada e realizada.  E hoje, passados 20 e poucos anos, ainda agradeço a forma como foi feita. Durante todos esses anos, a casa resistiu bem às chuvas e aos ventos, permanecendo bem conservada, nada havendo a recriminar quanto à construção ou ao material empregado. Credito ao Leo essa ‘sorte’, e, naturalmente, ao engenheiro responsável, cuja escolha talvez até tenha sido inspirada por ele.

Durante o tempo da construção, Leo ficou armazenado numa área cedida por um primo meu, num depósito. Depois de dois anos, ele foi colocado no lugar a que estava destinado desde o início: no lado interno da porta da frente da casa. Lá ele fica, como que guardando a entrada. Durante o tempo em que ficou armazenado ou durante o transporte, ganhou uma cicatriz, uma rachadura, na testa. Até hoje, todos os que entram ou saem da casa, criaram o hábito de passar a mão nessa cicatriz pois, de acordo com a lenda criada, dá sorte.  


Medalha 

Há muitos anos mandei fazer uma medalha para mim, onde previ que fosse colocado: do lado direito, uma cruz e, do lado esquerdo, um machado – igual ao de São Judas Tadeu (*). 

O machado, arma tão utilizada nas guerras medievais, significando luta; e a cruz lembrando Cristo, aquele que morreu para salvar a humanidade, significando amor.

Diante disso, fiquei imaginando que na porta de entrada da minha casa deveria ter algo com o mesmo significado. Significado que, no finalmente, é algo que traduz a forma que adotei, de como procuro ser.

  1.       Duro, exigente, e, ao mesmo tempo
  2.      Terno, compreensivo

(*) A história, baseada nos escritos apócrifos da ‘Paixão de Simão e Judas’, relata que depois de anunciar o Reino de Deus no Egito, Simão se encontrou com Judas, e eles foram evangelizar a Pérsia.

Escritos do século 6 descrevem o martírio de ambos. Simão e Judas foram martirizados na Pérsia, na cidade de Sufian. Eles foram mortos por pregarem destemidamente a fé em Jesus Cristo.

Por causa da pregação deles, grande foi o número de persas se converteram ao cristianismo. Isso incomodou os poderosos da Pérsia e, em consequência. foram condenados à morte.

Vários estudiosos das escrituras acreditam que São Judas foi decapitado por carrascos que usavam como ferramenta um machado afiado, uma vez que esta era a pena capital mais usada pelos persas na época. Na arte cristã, São Judas Tadeu é representado como um homem segurando um machado, em referência à maneira pela qual ele foi martirizado.


 

São Francisco de Assis

Já que o significado ‘1’ já estava preenchido pelo Leo, quem mais poderia traduzir melhor o significado ‘2’?  Logo me ocorreu a figura de São Francisco de Assis.  A proximidade de Francisco com a natureza sempre foi a faceta mais conhecida deste santo católico. Seu amor universalista abrangia toda a Criação, e simbolizava um retorno a um estado de inocência, como Adão e Eva no Jardim do Éden.

Diante disso providenciei a sua imagem, e de dois anjinhos, que ficam sobre um console, adornando e ‘cuidando’ da porta de entrada da casa, juntamente com o Leo.

Todos os dias, assim que me levanto, dirijo-me à porta para apanhar o jornal dia que me é entregue, passo a palma da minha mão direita sobre a cicatriz do Leo, e nos ombros do santo, cumprimentando-os e, ao mesmo tempo, lembrando o significado, os princípios, que eles carregam, e que servirão de inspiração sobre como proceder, passar o meu dia.


 

Tartaruga 

Na varanda de casa temos uma tartaruga, que de acordo com algumas crenças é o símbolo de felicidade, longevidade. Passando a mão direita sobre a cabeça dela, auguramos uma vida longa e feliz.

 


Veleiro

Logo na entrada de minha casa, numa estante de vidro, mantenho um veleiro em miniatura.

Velejar foi sempre um sonho para quem quer se deixar levar por alguma força extraordinária e, ao mesmo tempo, manter controle sobre seu destino. Infelizmente não consegui adquirir o meu próprio, na época em que tive oportunidade.

Entretanto, para mim, o veleiro continua mantendo o seu significado e, a sua lembrança diária, incentiva-me a continuar ‘velejando’ da melhor maneira, pelo resto da minha vida.  


Patinhos

Os patinhos são engraçadinhos e nos lembram, quando o cumprimentamos, que independentemente de qualquer coisa, para uma vida plena, independentemente da felicidade, riqueza e saúde, não podemos perder o bom humor e a alegria. O bom humor e a alegria é o que nos dá energia para seguir em frente, superar os obstáculos, da melhor maneira.  

Até hoje, tudo tem dado certo. 


.

 


 

(JA, Nov21)

 

 




Postagens mais visitadas deste blog

Grabovoi - O Poder dos Números

O Método Grabovoi  foi criado pelo cientista russo Grigori Grabovoi, após anos de estudos e pesquisas, sobre números e sua influência no nosso cérebro. Grigori descobriu que os números criam frequências que podem atuar em diversas áreas, desde sobrepeso até falta de concentração, tratamento para doenças, dedicação, e situações como perda de dinheiro. Os números atuam como uma ‘Código de desbloqueio’ dentro do nosso inconsciente, criando frequências vibratórias que atuam diretamente na área afetada e permitindo que o fluxo de informações flua livremente no nosso cérebro. Como funciona? As sequências são formadas por números que reúnem significados. As sequências podem ter  1, 7, 16, ou até 25 algarismos, e quanto mais números, mais específica é a ação da sequência. Os números devem ser lidos separadamente, por exemplo: 345682 Três, quatro, cinco, seis (sempre o número seis, não ‘meia’), oito, dois. Como praticar Você deve escolher uma das sequencias num

Thoth

Deus da lua, juiz dos mortos e deus do conhecimento e da escrita, Thoth (também Toth, ou Tot, cujo nome em egípcio é Djehuty) é um deus egípcio, representado com cabeça de íbis. É o deus do conhecimento, da sabedoria, da escrita, da música e da magia. Filho mais velho do deus do sol Rá, ou em alguns mitos nascido da cabeça de Set, era representado como um homem com a cabeça da ave íbis ou de um babuíno, seus animais sagrados.   Sendo o deus associado com o conhecimento secreto, Thoth ajudou no sepultamento de Osíris criando a primeira múmia. Era também o deus das palavras, da língua e posteriormente os gregos viam este deus egípcio como a fonte de toda a ciência, humana e divina, do Egito. O culto de Thoth situava-se na cidade de Khemenou, também referida pelos gregos como Hermópolis Magna, e agora conhecida pelo nome árabe Al Ashmunin. Inventor da escrita Segundo a tradição, transmitida também por Platão no diálogo Fedro, Thoth inventou a escrita egípc

Por que Jesus dobrou o lenço?

‘E que o lenço, que estivera sobre a cabeça de Jesus, não estava com os panos, mas enrolado num lugar à parte’.(João 20:7) Por que Jesus dobrou o lenço que cobria sua cabeça no sepulcro depois de sua ressurreição? Você já deteve sua atenção a esse detalhe? João 20:7 nos conta que aquele lenço que foi colocado sobre a face de Jesus não foi apenas deixado de lado como os lençóis no túmulo. A Bíblia reserva um versículo inteiro para nos contar que o lenço fora dobrado cuidadosamente e colocado na cabeceira do túmulo de pedra. Bem cedo pela manhã de domingo, Maria Madalena veio à tumba e descobriu que a pedra havia sido removida da entrada. Ela correu e encontrou Simão Pedro e outro discípulo, aquele que Jesus tanto amara. Disse ela: ‘Eles tiraram o corpo do Senhor e eu não sei para onde eles o levaram’. Pedro e o outro discípulo correram ao túmulo para ver. O outro discípulo passou à frente de Pedro e lá primeiro chegou. Ele parou e observou os lençóis lá,