Pular para o conteúdo principal

Postagens

Blogs e Livros

  Blogs Um blog ou blogue (contração do termo inglês web log, ‘diário da rede’) é um site, cuja estrutura permite a atualização rápida a partir de acréscimos dos chamados artigos, ou posts. Muitos blogs fornecem comentários ou notícias sobre um assunto em particular; outros funcionam mais como diários online.  Um blog típico combina texto, imagens, links para outros blogs, páginas da Web, e mídias relacionadas ao seu tema. A possibilidade de os leitores deixarem comentários, de forma a interagir com o autor e outros leitores, é uma parte importante de muitos blogs. Alguns sistemas de criação e edição de blogs são muito atrativos pelas facilidades que oferecem, disponibilizando ferramentas próprias, que dispensam o conhecimento de HTML . A maioria dos blogs são primariamente textuais, embora uma parte seja focada em temas exclusivos como arte, fotografia, vídeos, música, ou áudio, formando uma ampla rede de mídias sociais. Outro formato é o microblogging, que consiste em blogs
Postagens recentes

Religiosidade

  Papa Francisco reza missa ao ar livre em San Cristobal de las Casas, no estado mexicano de Chiapas, Fev16 América Latina vê aumento dos sem religião, mas segue reduto do cristianismo, com avanço dos evangélicos e redução dos católicos Nem o primeiro papa latino-americano da história estancou a sangria de fiéis católicos na América Latina. A cada ano, a região vê recuar o número dos que se dizem ligados à Igreja Católica. Se em 1995 eles somavam 80 %, agora são 56 %, mostram dados de pesquisa do instituto Latinobarómetro. O fenômeno não é o único que chama a atenção. No mesmo período, houve um salto dos que se declaram evangélicos —de 3,5 % para 19,7 %—, movimento em grande parte puxado pelo Brasil, e um boom dos que dizem não ter religião. Antes, eram menos de 5 % da população latino-americana; agora, são quase 16 %. O historiador Andrew Chesnut, professor de estudos religiosos na Universidade Virginia Commonwealth, nos EUA , descreve o cenário como uma pluralização do campo

Organização e Métodos

  Organização, Sistemas e Métodos é uma área clássica da administração e análise e desenvolvimento de sistemas, que lida com um conjunto de técnicas com o objetivo de aperfeiçoar o funcionamento das organizações. A função de Organização e Métodos é reconhecida pelas siglas:  O&M  e  OSM (Organização, Sistemas e Métodos). A responsabilidade básica da área de Sistemas, Organização e Métodos é a de executar as atividades de levantamento, análise, elaboração, e implementação de sistemas administrativos na empresa. O objetivo é o de criar ou aprimorar métodos de trabalho, agilizar a execução das atividades, eliminar atividades em duplicidade, padronizar, melhorar o controle, fazer o gerenciamento dos processos, e solucionar problemas, também chamados de patologias organizacionais. A função de Organização e Métodos é uma das especializações de Administração que tem como objetivo a renovação organizacional. Ela modela a empresa, trabalhando sua estrutura  (organograma) , seus processos, e

Festas Juninas – Origem

Decoração das festas dos Santos Populares de Lisboa   Depois de dois anos de restrições devido à pandemia de Covid, Portugal retoma agora uma de suas principais tradições: as festas dos Santos Populares, celebrações que homenageiam Santo Antônio, São João e São Pedro, e que estão na origem das festas juninas brasileiras. No território onde hoje fica o país europeu, muito antes da tradição cristã, os celtas já comemoravam a colheita no solstício de verão, o dia mais longo do ano. As festas católicas passaram então a incorporar, e a dar novas interpretações às farras. Em Portugal, as celebrações nas ruas –com arraiás e bandeirinhas, como no Brasil– acontecem durante todo o mês, mas cada região do país tem um santo mais celebrado. Santo Antônio Em Lisboa, por exemplo, a principal festa é a de Santo Antônio, cujo dia, 13 de junho, é feriado municipal. Embora tenha ficado conhecido como Santo Antônio de Pádua, cidade italiana na qual morreu, o religioso com fama de casamenteiro nas

Festival de Inverno - Campos do Jordão

Festival de Inverno de Campos do Jordão   O Festival de Inverno de Campos do Jordão foi idealizado em 1970 pelo então secretário estadual da Fazenda, Luís Arrobas Martins, e inspirado no Festival de Tanglewood. É considerado o maior festival de música clássica do país, e leva a Campos do Jordão alunos bolsistas que passam um mês estudando com importantes nomes da música nacional e internacional. Paralelamente às atividades pedagógicas, há uma intensa programação com convidados que se apresentam em diferentes lugares da cidade. A partir de  1973 , o maestro Eleazar de Carvalho, então diretor artístico do festival, deu início à programação pedagógica, concedendo bolsas de estudos para jovens promissores e trouxe a maior idade sem nomes internacionais de peso como o tenor Roberto Alagna, Aprile Millo, a pianista Maria João Pires, o trompetista Daniel Havens, a cantora Kiri Te Kanawa, e o maestro Kurt Masur. Em  2004  o maestro Roberto Minczuk, como ex-bolsista do festival, retomou a princ